Translate this Page
Arrebatamento
Você acha que o Arrebatamento da Igreja será:
No meio da Tribulação
Depois da Tribulação?
Durante a Tribulação
Antes da Tribulação?
Não sei responder!
Ver Resultados


Rating: 2.1/5 (484 votos)




ONLINE
1




Partilhe este Site...





O Portal da Teologia 

Indice Mapa do Site Avançado
Busca O Portal

 Ychzek'el [Ezequiel] 9.3-4

O PORTAL DA TEOLOGIA

A marca de Cristo. 

3. Então a Glória do Deus de Yisra'el começou a se levantar sobre o keruv, desde onde ele estava até a entrada da casa. Ele chamou o homem vestido com roupas de linho, o qual tinha equipamento de escribas em sua cintura

4. Adonai lhe disse: "Vá por toda a cidade, através de toda a Yerushalayim, e ponha uma marca em sua testa como a de um homem [Cristo] que está suspirando e chorando por todas as práticas odiosas que estão sendo cometidas ali".  

 Atenção: O Arrebatamento da Irmã Vilma - Assista aqui em [Vídeos e Nova Era] Cuidado com a sua Alma! 

 

Graça e Paz em Cristo → A todos os Leitores → Sejam bem vindos → No nome de Jesus!  Comentem os artigos → Iniciem discussões sobre os temas → O Moderador. 06.04.2014 

 
OPorTAU.png

Atualize o seu navegador - novo domínio 

http://www.oportaldateologia.org/ 

O Portal:

 

 

oportal@oportaldateologia.org 

cliqueimagem 

OPorTAU.png 

Pedido de Oração  

 

Por Gospel+ - Biblia Online

 

 

 


O Portal da Teologia autoriza a republicação de todos os artigos do site na íntegra, desde que cite a fonte de origem.  


O que é o rapture pré tribulação?
O que é o rapture pré tribulação?

O que é o Arrebatamento Antes da Tribulação?

pretibulation.png

pretibulation_1.png

O arrebatamento é um evento que terá lugar em algum momento no futuro próximo. Jesus virá no ar, apanhar a Igreja da terra, e depois voltar para o céu com a Igreja. O Apóstolo Paulo deu uma descrição clara do evento arrebatamento em suas cartas aos Tessalonicenses e Coríntios

Porque o Senhor mesmo descerá do céu com alarido, e com voz de " arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro; depois, nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, ao encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor portanto consolai-vos uns aos outros com estas palavras. 1 Tessalonicenses 4: 16 -18.

"Eis que vos digo um mistério: nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados, num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão . incorruptíveis, e nós seremos transformados. Por isto o que é corruptível se revista da incorruptibilidade, e este que é mortal [deve] revistir-se da imortalidade.  1 Co. 15. 51- 5.

O momento do arrebatamento não é conhecido. A partir da Palavra de Deus e da boa fundamentação algo que  usava com bastante frequência espero provar a realidade do Arrebatamento Pré - Tribulação.

A palavra rapture "arrebatamento" vem de Paulo de "apanhado" observado no verso 17. As palavras "apanhados" são traduzidas a partir da palavra grega harpazo, que significa "para levar", "abocanhar", ou "agarrar às pressas."

A tradução a partir do harpazo para "rapture" se dá em duas etapas: primeira, de harpazo derivou a palavra latina raptus; e a segunda, de raptus se originou a palavra inglesa "rapture.[arrebatamento]

 

Provas Escriturais para o Arrebatamento Pré - Tribulação

A Hora Desconhecida

Quando estudamos as escrituras e lem as passagens que descrevem o retorno do Senhor Jesus, encontramos versos que nos dizem que não vamos saber o dia e a hora desse evento.

Mateus 25. 13 diz que Jesus vai voltar em um momento desconhecido, enquanto que Apocalipse 12. 6 indica que os judeus terão de esperar no Senhor  por 1.260 dias, começando a partir de quando o Anticristo estiver no Templo de Deus e declarar-se Deus 2 Ts. 2. 4.

Este evento terá lugar no ponto médio da tribulação de sete anos Dn. 9. 27. Note-se que algumas pessoas só vê uma tribulação com três - e - uma -metade - de ano. De certa forma, eles estão corretos, porque a primeira metade da tribulação será relativamente pacífica em comparação com a segundo parte.

No entanto, pacífica ou não, resta ainda um período de sete anos chamado a Tribulação. Quando os judeus fugirem para o deserto, eles saberão que tudo o que eles têm de fazer é esperar do lado de fora aqueles 1.260 dias terminarem. Mt. 24.16.

Não há maneira alguma de aplicar a frase "nem o dia nem a hora" para esta situação.

A única maneira para estes dois pontos de vista sejam verdade é separar os dois eventos distintos que ocorrem:

1) o arrebatamento da Igreja, que vem antes da tribulação; e

2) o retorno de Jesus à Terra, que ocorre cerca de sete anos mais tarde.

Em Lucas 12. 36, a Palavra diz que quando Cristo voltar, ele terá de voltar de um casamento.

Em Apocalipse 19. 7 - 8, lemos sobre o próprio casamento. A ceia de casamento tem lugar antes do casamento.

De acordo com o costume judeu, o contrato de casamento, muitas vezes inclui um dote, que redigido em primeira lugar. O contrato apresenta semelhanças com o ato de fé que nós usamos quando nós confiamos em Jesus para ser nosso Salvador.

O dote é a sua vida [Salvador], que foi usado para comprar nos. Quando chega a hora para o casamento, o noivo vai para a casa da noiva sem aviso prévio. Ela sai para encontrá-lo, e então ele a leva para casa de seu pai. Isso se correlaciona precisamente com os eventos de acordo com o cenário pré - tribulacionista. Jesus, o noivo, desce do céu e chama-se a Igreja, a Sua Noiva.

Após o encontro no ar, Ele retorna com noiva à casa do Pai, o céu. A própria ceia de casamento terá lugar lá, enquanto aqui na terra os eventos finais da tribulação vai ocorrendo. Depois da ceia de casamento da tradição judaica, a noiva e o noivo são apresentados ao mundo como homem e mulher. Isto corresponde ao momento em que Jesus voltar à Terra acompanhado por um exército "vestidos de linho fino, branco e puro" Ap. 19.14.

A história

Muitos grupos tentam desacreditar o arrebatamento pré-tribulação, dizendo a maior parte dos eventos do tempo na Bíblia já tiveram o seu lugar. [aconteceram].

Um grupo de pessoas chamados preteristas afirma que o livro do Apocalipse foi principalmente cumpridos em 70 A.D. [70 d.C - destruição do Templo]. Se os eventos descritos no livro do Apocalipse já teve o seu lugar no passado, eu estou fracassado para explicar algumas das situações atuais que vemos ao nosso redor: o renascimento de Israel, a reunificação da Europa, o número de guerras globais que têm ocorrido, e o desenvolvimento de armas nucleares.

Durante a aula de história, devo ter dormido durante a parte em que o professor falou sobre o momento em que um terço das árvores foram queimadas, granizos de 100 libras caíram do céu e o mar virou sangue Ap. 8. 7 - 8 ; 16. 21. Eu acho que muita gente iria questionar a sua oposição quanto à doutrina do arrebatamento pré - tribulação se soubessem que as provas apresentadas para eles foram baseadas no entendimento de que a maioria das profecias da pré - tribulação já ocorreram.

O Povo do Milênio

Se Cristo voltasse depois da tribulação, arrebatamento de todos os santos, e matar todos os ímpios, que seriam deixados para povoar a terra durante o milênio?

Se Cristo voltasse depois da tribulação e  arrebatar todos os santos e depois matar todos os ímpios, o que aconteceria com os deixados que ficaram para povoar a terra durante o milênio?

Apenas o ponto de vista pré - tribulacionista pode ser responder por este problema após a Tribulação. A Igreja é arrebatada antes da tribulação, um vasto número de almas são salvas durante este período de sete anos, e aqueles que forem salvos através da tribulação entrarão no milênio enquanto os perdidos são lançadas no inferno.

O retorno do Santo  

No cenário pré - tribulação, depois de subirmos ao encontro do Senhor nos ares, iremos para o céu e repousaremos há sete anos. No final desse período, Cristo virá para a terra, derrotar o Anticristo, e purificar o templo.

Em um arrebatamento pós - tribulação, quem subir nos ares encontraria com o Senhor, em seguida faria um retorno de 180 graus e voltaria para a terra.

Apocalipse 1: 7 afirma que Cristo aparece fora das nuvens e desce à terra. Zacarias 14: 4 diz que estarão os seus pés sobre o Monte das Oliveiras. Se Ele já está vindo em nossa direção, por que teríamos de ser arrebatados para encontra - Lho?

Muitos escritores pré - tribulacionistas citam Apocalipse 4. 1, que diz: "venha para cá", como uma referência profética para o arrebatamento da Igreja, deixando Apocalipse capítulos 1 a 3 como uma descrição da Era da Igreja.

Após o grito para "vir para cá", a Igreja não é mencionada na Bíblia toda. A atenção da Escritura muda da Igreja para aos judeus que vivem em Israel.

Exércitos em Fino Linho

Quando Jesus voltar Apocalipse 19.18, um exército Lho seguirá. Membros do Exército estão montando em cavalos brancos, e eles estão vestidos de linho fino, que é branca e limpa. Em Apocalipse 19. 8, nos é dito que o linho fino são as justiças dos santos. Se os santos de Deus estarão retornando com Cristo para entrar em guerra com o Anticristo, então não é possível ter um arrebatamento pós - tribulação, seria estar indo contra nós se nós estamos indo e vindo ao mesmo tempo.

O tempo da angústia de Jacob

Em várias passagens, a Bíblia se refere a tribulação como um tempo de angústia para os judeus.

A expressão "angústia de Jacó" pertence aos descendentes de Jacob. Jeremias 30: 7 diz que este tempo de angústia virá logo antes do Senhor retornar para salvar o seu povo.

A última semana da 70ª semana de Daniel ainda está para acontecer. Um anjo disse a Daniel que, "70 semanas estão determinadas ao teu povo" Dan 9. 24.

As Escrituras nunca menciona que a tribulação esta destinada para ser um tempo de provação para os cristãos.

No entanto, alguns pós - tribulacionistas tentam alegar que eles são os únicos a serem provados durante a tribulação.

Para acontecer deste maneira, eles precisam de espiritualizar os 144.000 judeus crentes em Apocalipse 7: 2 - 8 que receberão o selo de proteção de Deus. Colocar a dispensação da igreja para o mesmo período de tempo como a dispensação judaica de sete anos, como os pós - tribulacionistas afirmam, levanta uma boa pergunta:

Pode duas dispensações transcorrer ao mesmo tempo? No passado, Deus somente tratou com uma de cada vez. Sendo ambas as presentes durante a tribulação teria que haver uma exceção.

"Ele" que será tirado fora do caminho

 

Antes do Anticristo poder ser revelado, Paulo disse que um certo "Ele" deve ser tirado para fora do caminho. De acordo com 2 Tessalonicenses 2: 7, este "Ele" que deve ser removido é amplamente pensado para ser o Espírito Santo.

Foi prometido que o Espírito Santo nunca deixaria a Igreja, e sem a ação do Espírito Santo estando na terra, ninguém poderia ser salvo durante a tribulação.

A remoção da Igreja, que é habitada pelo Espírito Santo, parece a melhor explicação para este dilema. A obra do Espírito Santo poderia continuar durante a tribulação, mas a sua influência seria diminuída por causa da Igreja ausente.

Ap. 19. 19 - 21 - Quando Jesus voltar no final da tribulação, Ele estará vindo para a batalha. Para aqueles que acreditam em um arrebatamento pós - tribulação, seria estranho encontrar  assim com o seu Senhor e Salvador  com Ele vindo para a batalha. A ideia de que a guerra e o arrebatamento poderia ocorrer em conjunto é difícil de imaginar, especialmente se elas transcorrerem no mesmo momento.

A história do casamento que Jesus deu em Mateus 25. 2 - 13, creio eu, é uma parábola do arrebatamento da Igreja. Ele explica como alguns não estarão prontos. Jesus afirma claramente que um grupo de pessoas vai perder o evento, e irá clamar a Deus para deixá-los ir para o lugar onde ele habita, no céu.

"Deus não nos reservou à sua ira"

Em 1 Tessalonicenses 5.  9, Paulo assegura-nos que Deus não nomeou seu povo à ira. Esta é claramente a ira de Deus que será derramada durante a tribulação.

Cristãos pré - tribulacionistas interpretam isso como significando de que os cristãos serão removidos da terra. Cristãos pós - tribulacionistas contam uma história diferente. Eles descrevem esta ira no sentido de que Deus vai proteger os cristãos durante a tribulação e despejar essa ira apenas contra os incrédulos.

Esta ideia vai contra a declaração feita em Apocalipse 13. 7, quando ao Anticristo será dado poder para fazer guerra aos santos e vencê-los. A visão pós - tribulacionista faz a promessa de proteção da ira de Deus ser mentira. Nos últimos anos, foi possível pensar em ser protegido contra as armas e espadas daquele dia.

Hoje, quando qualquer grande guerra envolve armas nucleares e químicas, é impossível esperar o mesmo tipo de proteção. Quando Nagasaki no Japão foi bombardeada durante a Segunda Guerra Mundial, a bomba explodiu sobre uma igreja católica. Todo mundo que estava no centro da explosão morreram, ambos os cristãos e não cristãos. A única maneira de interpretar a validade da promessa de proteção da ira de Deus é através da observação de 1 Tessalonicenses 5. 9 com o a remoção do corpo da Igreja deste mundo.

O Sal da Terra

Jesus disse: "Vós sois o sal da terra" Mateus 5. 13. Quando os crentes repentinamente forem removidos , a terra será mergulhada na escuridão espiritual. Quando isto acontecer, o Anticristo em seguida estará livre para controlar o mundo

Deus toma uma lista

Em Apocalipse 7. 3, um anjo desce à terra e sela os servos de Deus. Dois registros de informações sobre esta vedação altamente assumem um ponto de vista pós - tribulacionista. O primeiro item é o número de pessoas seladas: 144.000. A segunda é que todos aqueles que são selados são das 12 tribos de Israel.

Para que os eventos de Apocalipse 7: 3 - 8 sejam verdadeiros conforme a interpretação os pós - tribulacionista querem,  ou a Igreja se voltou contra Deus ou Deus se voltou contra a Igreja. Assim os pós - tribulaçionistas  poderiam escrever um comentário com mil palavras sobre porque a Igreja não precisa ser selada. Em vez de tentar argumentar sobre por que a Igreja não é mencionada entre os selados, um defensor da pré - tribulação poderia simplesmente responder: "Nós já estamos no céu

 

 

Noé e Ló como Exemplos

O período da tribulação é comparado com aos tempos de Noé e Ló por Jesus em Lucas 17. 28. A maioria das pessoas discutem se o período de tempo que Jesus estava falando nessa passagem foi sobre a pré - tribulação ou pós - tribulação. Ao fazer isso, eles perdem um ponto importante.

As duas circunstâncias que as situações de  Noé e Ló têm em comum são a remoção dos justos e o julgamento dos incrédulos. A partir dessas duas versões, vemos que Deus prefere para remover o seu próprio povo quando está incluído no perigo.

 

Razões do senso comum para acreditar na Rapture Pré - Tribulação

Uma maneira de verificar a solidez de uma doutrina é ver como o mundo reage a ela. Uma empresa colocou um questionário que foi usado para examinar possíveis funcionários. Uma das perguntas foi: "Você acredita no arrebatamento?" Se você responder "sim", suas chances de serem contratados não seria boa. Alguns sites da internet não permitem publicar temas sobre a Raptura ou Segunda Vinda. Mas eles permitem que temas como sexo, gays e drogas exibidos.

A única vez que a mídia menciona o arrebatamento é quando alguém define uma data e ela prova ter sido errada.

O tempo da velha Religião

Ela costumava ser uma regra de ouro que, quando alguém visitava uma igreja ou ouvia um pregador, podia-se supor se o pregador acreditava no arrependimento, na oração e no batismo do Espírito Santo, se ele ensinasse a doutrina do Arrebatamento. Também era verdade que as igrejas que adoravam a Deus com o fogo do poder eram as exemplares. Hoje, muitas dessas igrejas modelos mudaram-se para palácios de mármore e se desviaram de suas principais doutrinas.

Farinha e saco voam juntos

Sempre que olho para todos os grupos que ensinam falsa doutrina e são altamente focados nos eventos do fim dos tempos, eu não consigo achar nenhuma que defenda a teoria do arrebatamento. Algumas organizações, como as Testemunhas de Jeová, por exemplo, ensinam um falso evangelho e são aprofundadas em profecias bíblicas.

Por que, então, os não Testemunhas de Jeová ensinam uma doutrina falsa que seria o caminho certo se anda nas vielas?

Poderia ser que as forças demoníacas que influenciam esses grupos sabem algo que estes cristãos que se opõem ao arrebatamento não sabem? A lista dos animadores de cultos que rejeitam que a ideia sobre a profética rapture continua crescer. Aqui estão mais algumas: os mórmons, a Igreja Mundial de Deus e os Moonies, bem como os líderes como Jim Jones e David Koresh.

A Igreja viria repreender o Anticristo

Se o Anticristo chegou ao poder com a Igreja ainda estando aqui, eu não vejo como ele poderia operar. Quando Hitler estava lutando para assumir a Inglaterra, um número de cristãos estavam orando por uma vitória. Hitler fez erros atrás de erros, e Inglaterra superou o seu inimigo em todas as fases do conflito.

É difícil medir o impacto da oração de intercessão na guerra física. Pouco se sabe sobre o quão grande foi o papel  dos santos orando juntos que levou a derrota da Alemanha nazista. Se era para a Igreja residir na terra durante a tribulação, estou certo de que ela daria uns trancos no  Anticristo. Em Apocalipse 11: 3, as duas testemunhas por si só dariam dores de cabeça suficientes ao Anticristo. Milhões de cristãos que conhecem bem suas Bíblias reconheceria o homem do pecado e ao orar fogo desceria para baixo na sua cabeça.

A visão pós - tribulacionista  teria que planejar com a Igreja para apenas rolar e fingir de morto durante o período dos sete anos.

Devemos todos lembrar de uma coisa: saber o nome de solteira da mãe do Anticristo não é o objetivo principal. Conhecendo Jesus Cristo como seu Salvador pessoal e ter seu nome escrito no Livro da Vida do Cordeiro deve ser sua prioridade número um. O carcereiro perguntou a Paulo: "O que devo fazer para ser salvo?" A resposta foi: "Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo" (Atos 16: 30-31).


 http://www.raptureready.com/rr-pretribulation-rapture.html

 

comentOPO.png O que me chamou a atenção neste artigo além do fato do editor acreditar piamente no Arrebatamento antes da Grande Tribulação, reside-se no fato dele mencionar que existe um amplo debate sobre o tema que envolve a temática da Primeira Vinda de Cristo com uma ala de cristãos norte americanos que também defende o Arrebatamento, cujo termo eles usam como "Rapture"; mas, estes defendem a doutrina  de que o Rapture [substantivo masculino para Arrebatamento] mas, que será após a tribulação; e que Deus lhos protegeriam contra o Anticristo, até que Ele na segunda vinda voltasse pra salvá-lhos.

Interessante ainda é que os defensores da pós-tribulação também usam referências bíblicas para justificar a sua doutrina, mas, quando são confrontados com os pré-tribulacionistas, eles não têm argumentos bíblicos para se prevalecerem contra as provas apresentadas pelos defensores do arrebatamento antes da tribulação.

Mesmo assim eles ainda estão um passo à frente dos cristãos brasileiros que sequer se interessam pelo assunto e não comentam quase nada sobre este evento que é a única razão da existência da fé cristã e da Crucificação de Cristo! Se alguém alega que é cristão, mas, não crê muito no Arrebatamento e não espera pela Primeira Vinda de Cristo, a fé cristã desta pessoa é morta. Então não há razão alguma para se confessar como cristão. Melhor nem ser, porque não precisaria perder tempo indo a igreja!

Se você está lendo este artigo e acha que este assunto é delicado procure reunir  grupos para debater e estudar a respeito deste tema.

Os pastores da igreja também deveriam ser os primeiros a estarem explorando profundamente este ensino nas suas liturgias doutrinárias porque este é o próximo evento e último evento da Era da Igreja, que é Primeira vinda de Cristo!

Isto se é que eles acreditam e sabem que o 8º Rei, aquele profetizado em Daniel e Apocalipse, que vai incorporar o demônio que lho dará autoridade sob o nome Falso Profeta, já está entre nós!   

 

 

 

newline oportal

 

Editoriais

As taças da ira de Deus  estão prestes a se derramarem sobre a terra! 

Quero fazer um breve relato sobre esta chamada em "Flash”, visto que não vejo a necessidade de escrever um artigo específico sobre o título, bem como também não vou citar referências bíblicas que corrobore com este assunto.

 

Os elementos ardendo  

em breve se fundirão!

Cuidado!

Um corpo terrestre, 

se chocará contra a terra e 

causará repentina destruição. 

 

Leia Mais imagem

 

A falsa doutrina do pré-tribulacionismo  

Qual biblicamente é a mais viável para você? A Meso-tribulação [Arrebatamento no meio da tribulação] ou a Pós-tribulação? [Arrebatamento depois da tribulação] Em qual delas acontecerá o Arrebatamento da Igreja! Será antes da tribulação? Reflita! Leia Mais  imagem

 

 

  Reflexão do O Portal

         2013

O oitavo Rei foi eleito.

A besta que era e já não é, é também o  oitavo rei, e é dos sete, e vai-se para a perdição Apocalipse cap. 17 - 11.

E o sangue de muitos inocentes ainda haverá de ser derramado.              

Guerreiros feridos são condecorados com Láureas de sangue.

Os soldados do Exército do Rei dos Reis, porém herdarão uma coroa de ouro, e a vida eterna.

A Nova Ordem Mundial está chegando e virá para cumprir o seu dever a rigor.

Quem quiser se livrar dela terá que aceitar a sua marca. 6 6 6 em troca da sua alma.

Revelação 13. 1 – Vi uma besta que saia do mar, [...] 2 [...] O dragão lhe deu seu poder, seu trono e grande autoridade.

4. Eles adorarão o dragão, porque dera a sua autoridade à besta [...] 7. Foi-lhe dado poder para guerrear contra o povo santo de Deus e derrotá-los.

10. “Se alguém há de ir para o cativeiro, para o cativeiro irá! Se alguém há de ser morto à espada, morto à espada haverá de ser!”

Yeshua.

 O ultimo, o Rei dos reis é o próximo, e está vindo, espere por Ele mesmo que  isto lhe custar a própria vida.

"Permaneça fiel até a morte, e Eu lhe darei a Vida como Coroa. Revelação 2.10.

Yeshua".

 

Leia o Artigo: O sétimo milênio e o fim da humanidade.

Oriente-se.

 

Por: Cornelio A.Dias

Março de 2013.

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 TAUEZEQ94_tsp.png

 

 

 

  Ler um   é:

Armazenar Informações;

Desenvolver a Intelectualidade;

Ampliar os Horizontes;

Compreender o Mundo;

Comunicar-se com o Próximo;

Escrever Corretamente;

Relacionar-se melhor com o Outro!

 Ler uma  é:

Armazenar Ensinamentos;

Desenvolver o Conhecimento;

Ampliar a Espiritualidade;

Compreender a DOUTRINA;

Comunicar-se com JESUS

Escrever a VERDADE;

Relacionar-se melhor com DEUS. 

IMAGEM TEXTO

Ore conosco ao som de belos louvores;

Chore aos pés feridos do Pai!

A tristeza logo passa, não demora.

Ele vos envolve e vos consola, 

Em seus braços, faz-vos descansar.

O Portal

Abra esta Porta de Meditação, Louvor e Oração,

clique aqui em:

Bíblia Online e Seleção de Louvores

e deixa Deus falar ao seu coração!

IMAGEM TEXTO

 

TAU_ORIGINAL_PORTAL.png  

 

 

 Leia Mais imagem 


Com: Paz seja convosco
Graça e Paz
A Paz do Senhor
Paz da parte... do Senhor
Paz de Deus
Shalom
Shalom Adonai
Bom dia; Boa Tarde; Boa Noite Irmão
Nenhuma da anteriores

Feedjit

 

Download

Descrição:

Bíblia Sagrada Digital

MediaFire – Down

 Jogo Show do Cristão

MediaFire – Down

Biblia Sagrada + jogo show do cristão + caminho estreito

MEGA – Down 

topo